Como lavar corretamente os ouvidos?
Muitas vezes, as consultas de otorrinolaringologia estão ligadas a tampões formados em nossos ouvidos. Em questão, maus hábitos ao lavar o canal auditivo.
Lavar os ouvidos pode parecer simples, mas muitas vezes os maus hábitos levam à formação de tampões no ouvido, que não são isentos de consequências para a nossa saúde auditiva. Fazemos um balanço.

Cera de ouvido, para que serve?
A cera é um tipo de cera natural que se forma no canal auditivo, no ouvido externo. Não é sujo e seu papel é até fundamental, pois evita que micróbios, insetos e outras poeiras penetrem mais profundamente no ouvido. Sabemos também que permite a boa transmissão do som e protege o tímpano, uma membrana fina e muito frágil. Então, sim, podemos remover o inestético excesso de cera na parte visível da orelha, mas não removemos tudo!

Proibir cotonetes
Otorrinolaringologistas não recomendam o uso de cotonetes, inclusive aqueles supostamente próprios para bebês. Por quê ? Muito simplesmente porque este último é muitas vezes mal utilizado por um lado – a cera é empurrada para o fundo da orelha, o que leva à formação de um tampão – e irrita o canal auditivo por outro lado. A remoção de toda a cera deixa o ouvido sem proteção ou lubrificante. Finalmente, o cotonete pode deixar partículas de algodão no ouvido e não haverá mais cera para acompanhá-los até a saída.

Lave os ouvidos uma vez por semana no máximo
Para uma boa saúde do ouvido, evite lavar os ouvidos com muita frequência. Como dito acima, você corre o risco de privar o ouvido de cera, sua melhor proteção. Uma vez por semana – ou mesmo uma vez a cada dez dias – é uma taxa razoável e recomendada por especialistas. Em caso de vazamentos, você pode passar um lenço úmido sobre o pavilhão.

E os sprays?
Em caso de produção (muito) alta de cera, é possível usar um spray. Pulverize o produto comprado em farmácias no canal auditivo, incline a cabeça, massageie levemente. Este processo irá fragmentar a cera e ajudá-la a fluir para fora. Repita a operação três ou quatro noites consecutivas de vez em quando. Atenção, certifique-se de não perfurar o tímpano antes de usar um spray! Consulte um otorrino em caso de dúvidas ou dores.

A orelha pega
É certo que seu nome não é muito sexy, mas é uma ferramenta eficaz e segura. Você pode encontrá-los em lojas orgânicas. Palhetas de ouvido, ou curetas de ouvido, permitem que o excesso de cera seja removido sem entrar muito no canal. Graças à sua forma, é impossível empurrar a cera para o tímpano.

No entanto, evite ir longe demais, querendo remover o máximo de cera possível: você corre o risco de se machucar ou danificar seu tímpano. É uma ferramenta adequada para a higiene de crianças (a ser usada com cuidado, cuidado com movimentos bruscos) e crianças mais velhas. O fone de ouvido de aço inoxidável continua sendo a melhor escolha.

O mais simples, no chuveiro
Alguns dizem que não lavam mais “oficialmente” os ouvidos, sem serem sobrecarregados com cera. Basta passar um pequeno jato de água pela manhã sob o chuveiro em cada ouvido. Você pode rapidamente ensaboar o pavilhão e pronto. Não se esqueça de secar bem ao sair, com sua toalha ou lenço, para não deixar água no duto.

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%